Solicite sua cotação

20 anos de cabotagem no Brasil: conheça a história da Aliança

Artigo

Considerada um dos pilares essenciais da logística integrada, a cabotagem completa 20 anos em solo brasileiro, com pioneirismo da Aliança , líder nesta modalidade de transporte.

Neste artigo, vamos conhecer a história da cabotagem, suas vantagens e papel na logística integrada. Conheça!

A história da cabotagem

O termo cabotagem deriva do sobrenome de Sebastião Caboto, um navegador italiano do século 16 que explorou o Rio da Prata, na América do Sul.

Durante o desenvolvimento do Brasil, a navegação por cabotagem foi amplamente utilizada para conectar as regiões, com maior destaque aos portos de Rio Grande, Santos, Rio de Janeiro e Salvador.

A cabotagem teve importante papel no longo processo de formação do território brasileiro, transportando pessoas, mercadorias e informações entre os principais portos desde o período colonial.

No Brasil, a Aliança uniu, há 20 anos, o uso de contêineres à navegação feita pela costa, entre os portos do país, para se tornar a líder e pioneira no transporte de cabotagem de containers no país, realizando, todos os anos, o transporte de cerca de 350 mil TEU (contêiner de 20 pés).
 

Por que a cabotagem é tão relevante no Brasil?

Os números não mentem quando o assunto é o transporte marítimo!

O Brasil possui quase 8.000 km de costa litorânea, mais de 40.000 km de vias potencialmente navegáveis; no país há 34 portos, sendo 8 na região Sul, 5 na Norte, 10 na Sudeste e 11 na Nordeste, o que faz da cabotagem marítima parte essencial e estratégica da logística integrada brasileira.

Apesar de ser recomendado para pequenas distâncias, os caminhões percorrem grandes trajetos a um alto custo, onerando tanto o setor produtivo quanto o consumidor.

Com a possibilidade da navegação de cabotagem, o transporte por rodovias atua de forma complementar, levando as mercadorias da sua origem até o porto e do porto até seu destino final, atuando na primeira e na última milha, o que é chamado de logística integrada, de ponta a ponta.

É importante ressaltar que a cabotagem se integra a outros modais como rodoviário, ferroviário e balsa, e a Aliança oferece uma gama completa de produtos em sua rede logística de ponta a ponta.
 

Vantagens da cabotagem

Estima-se que o transporte de cabotagem pode oferecer um custo de frete até 20% inferior se comparado com o custo do transporte modal rodoviário. Além disso, o transporte por cabotagem chega a emitir 8 vezes menos Co2 para mover a mesma quantidade de carga que outros modais. Outras vantagens da cabotagem são:

  • Redução de custos com frete e seguros;
  • Segurança da carga;
  • Baixa ocorrência de acidentes;
  • Menor risco com avarias e sinistros dos produtos;
  • Baixo impacto ambiental;
  • Previsibilidade pois os navios passam no mesmo dia todas as semanas;
  • Menor número de caminhões nas estradas;
  • Alta capacidade de carga;
  • Cerca de 60% da população brasileira vive em até 200 km da costa litorânea.


Transporte por cabotagem com a Aliança

Entre 2013 e 2014, a Aliança adquiriu seis novos navios, com capacidade entre 3.800 TEU e 4.800 TEU cada, expandindo sua frota no Brasil, com um total de oito embarcações.

Todos os navios da Aliança são de última geração, têm uma idade média de 10 anos e são certificados para a segurança: da tripulação, da carga e do meio ambiente.
 

Categorias da Aliança

A empresa de cabotagem Aliança divide suas cargas em 5 categorias, visando maior segurança e tranquilidade no transporte de acordo com as particularidades de cada segmento.

As categorias são:

  1. Alimentos e bebidas;
  2. Agrícola;
  3. Refrigerados;
  4. Varejo;
  5. Indústria.


Tipos de Contêineres da Aliança

Dividimos nossos contêineres para transporte por cabotagem em 3 tipos diferentes:

Contêineres secos

Também chamados contêineres padrão, destinam-se ao transporte de cargas secas).

No total, são caixas robustas de 20 pés e 40 pés, que atendem a todas as exigências e normas sobre tamanho e qualidade para transporte marítimo e terrestre, garantindo que a carga chegue ao destino final em estado ideal.

Contêineres refrigerados

Ideais para transporte de alimentos perecíveis, produtos farmacêuticos ou mercadorias que precisam de refrigeração, são a solução para diversas cadeias de fornecimento sensíveis à temperatura.

Contêineres especiais

Indicados para transporte de mercadorias de grandes volumes, cargas superdimensionadas ou de alta densidade, como, por exemplo, placas de cobre, maquinário industrial pesado ou até um helicóptero, quando são utilizados contêineres Open Top ou Flat Racks.

Em 2022, a Aliança anunciou a construção em território nacional de duas embarcações de 700 TEU e dois empurradores. A construção conta com a participação da empresa canadense Robert Allan, que atuará no desenvolvimento do projeto. As embarcações serão construídas pelo estaleiro Rio Maguari, localizado em Belém (PA), com previsão de entrega em até três anos. O investimento total na construção será de US$ 60 milhões. Serão criadas 30 vagas de tripulantes e cerca de 300 trabalhadores participarão da construção das embarcações.
 

Aliança: o Melhor integrador Logístico do Brasil

Se você procura por empresas de cabotagem no Brasil, acabou de encontrar!

A Aliança é uma empresa que lidera o mercado de cabotagem e oferece serviços de logística integrada, incluindo transporte rodoviário com sua própria frota de caminhões e parceiros em todo o Brasil.

Além disso, a empresa é o maior parceiro das ferrovias no transporte de containers e está em constante expansão, adicionando novos armazéns e serviços como o transporte de cargas LCL (carga menor que um container) e lead logistics.

Com essas opções, a Aliança oferece uma logística completa, que abrange toda a cadeia de suprimentos, de ponta a ponta. Saiba mais sobre cabotagem aqui .

 

 

 

 

Notícias Recentes

Fechar
Vendas
Atendimento
ao cliente (CX)

Utilizamos cookies para que você tenha a melhor experiência do nosso site. Por sua visita contínua ao nosso site, sem alterar suas configurações, você concorda com o uso de cookies da Aliança.